domingo, 30 de julho de 2017

Após agente penitenciário ser assassinado, namorada tira sua própria vida



O corpo da jovem Andréa Leite Rocha, 21 anos, foi encontrado na casa da mãe dela, em Gurupi, sul do Tocantins, no início da tarde deste sábado (29). Ela era namorada do agente penitenciário, Thiago Martins Brito, de 27 anos, assassinado no dia 22 deste mês. A Polícia Militar informou que a mãe da jovem foi dormir após o almoço e quando acordou, encontrou o corpo da filha no banheiro da casa. 
Em seguida, ela acionou a polícia. A PM disse ainda que havia uma corda enrolada no pescoço de Andréa. A Secretaria de Segurança Pública do Tocantins informou que foi registrado um boletim de ocorrência na central de atendimento da Polícia Civil e as investigações deverão ser conduzidas pela 4° delegacia de polícia de Gurupi.
Assassinato
O agente penitenciário, Thiago Martins Brito, de 27 anos, que trabalhava na Casa de Prisão Provisória de Gurupi, no sul do estado, foi encontrado morto em uma casa da cidade no dia 22 deste mês. Segundo a Polícia Militar, o corpo estava do lado de fora de uma casa em Gurupi e apresentava uma lesão profunda no pescoço. 
Conforme a PM, um amigo que também é agente da defesa social teria sentido a falta de Brito na sexta-feira (21) e entrou em contato com outro amigo da vítima que é policial militar, para saber se tinha notícias. O policial informou que estava na cidade de Peixe e que Brito teria ficado na casa dele em Gurupi. O amigo foi até o imóvel e encontrou o corpo do lado de fora da casa.
F: Macaubense Life

tags

0 comentários:

Postar um comentário