sábado, 2 de setembro de 2017

Criança de sete anos tem genitália perfurada por cano da Caerd



Uma criança de sete anos foi atendida na pediatria da unidade Municipal de Ouro Preto D´Oeste, região da Bacia Leiteira do Estado, após ter a genitália perfurada por um cano da Caerd, na manhã de quinta-feira, 31.
O caso foi tratado originariamente como uma suspeita de abuso sexual, uma vez que a criança teve rompimento do hímen e a Polícia Militar teve que ser acionada para registrar boletim de ocorrência e averiguar os fatos.
Posteriormente, após falar com a esponsável da menor, a Polícia Militar chegou à verdade dos fatos, baseando-se também no depoimento de uma testemunha, vizinha da família.
De acordo com a senhora Maria Jesus dos Santos,  63 anos, avó da vítima, a criança foi buscar água num cano quebrado da Caerd para molhar a horta, ao lado da residência.
A menor e outras duas crianças foram pegar água e começaram a brincar na água e ainda foram alertadas sob pena de ficarem gripadas. Pouco depois a criança entrou dentro de casa dizendo que estava sentindo dores nas partes íntimas.
Segundo a criança, ela caiu sobre o cano quebrado quando brincava com as colegas. Os Bombeiros foram acionaos e a vítima levada para o hospital. O sangramento era tão forte que ate os próprios médicos desconfiaram sobre a possibilidade de um estupro.
A menor foi transferida para Porto Velho para ficar sob observação médica.

Fonte: RONDONIAOVIVO

tags

0 comentários:

Postar um comentário