quarta-feira, 27 de setembro de 2017

CRIME: Apresentador de afiliada do SBT é encontrado morto em casa


CRIME Apresentador de filial do SBT é encontrado morto

O apresentador da TV Vale do Xingu, rede afiliada ao SBT no Pará, Luciano Batista dos Santos – mais conhecido como Lu Brasil -, foi encontrado morto na tarde desta terça-feira (26/9) na casa onde morava no Bairro Brasília, em Altamira, sudeste do estado. A informação foi confirmada  pelo Centro de Perícias Renato Chaves. A informação é de que funcionários foram até o local e encontraram o corpo do jovem já em avançado estado de decomposição.
A TV Vale do Xingu, afiliada do SBT na cidade, onde Lu Brasil trabalhava, também confirma a morte. Os peritos suspeitam que o apresentador foi assassinado pelo menos 48h antes de ser encontrado com uma rede enrolada no pescoço e outros sinais de agressão. Havia também indícios de que uma luta corporal aconteceu na casa. Segundo a emissora, Lu Brasil foi visto pela última vez no último domingo, quando foi à igreja. Amigos estranharam sua ausência no trabalho nos dias seguintes e decidiram ir até a casa dele. Encontraram a residência trancada, sentiram um forte odor e chamaram a polícia. As autoridades tiveram acesso ao local e encontraram o corpo.
Trajetória
Lu Brasil começou a trabalhar na TV Vale do Xingu em 2014, na cobertura da Copa do Brasil. No ano seguinte, assumiu a apresentação do Vale Music, um programa de entretenimento. Ele também participava de atrações da rádio do grupo.
Milhares de fãs se manifestaram nas redes sociais da emissora lamentando a morte violenta do apresentador, postando comentários como “luto”, “saudades eterna” e “não estou acreditando”, definindo o episódio como “covardia” e “crueldade” e cobrando “justiça”.
Em nota de pesar, a Vale do Xingu comunicou a morte do “grande amigo e companheiro de jornada”  e lamentou a perda. “Agradecemos imensamente o tempo que pudemos conviver com ele, que será sempre lembrado pelo profissionalismo, honestidade, lealdade, inteligência, competência e sensibilidade para lidar com as adversidades e conflitos humanos”, acrescentou a emissora.
Aratu Online

tags

0 comentários:

Postar um comentário