segunda-feira, 11 de setembro de 2017

MÉXICO: Número de mortos sobe para 90 após forte terremoto



O governo do México confirmou a morte de pelo menos 90 pessoas e 500 feridos desde o fim da noite desta quinta-feira quando um potente terremoto atingiu a costa Sul do país às 23h49, segundo informações do Serviço Geológico dos Estados Unidos (USGS), gerando alerta de tsunami na região. Com magnitude de 8,4 na escala Richter, o tremor foi o mais forte no país em um século e também em outras regiões da América Central. Inicialmente a magnitude registrada foi de 8,2. Com uma profundidade de 19 quilômetros, o epicentro foi a 137 quilômetros a sudoeste da cidade de Tonalá, no estado sulista de Chiapas, onde foi declarado emergência. 
Ao menos 190 réplicas de tremor ocorreram desde então, sendo a mais forte delas de 6,1, segundo o Serviço Sismológico Nacional mexicano. Por conta do terremoto, o Centro de Alerta de Tsunami do Pacífico emitiu um alerta de possíveis ondas de até quatro metros de altura nos países do México, Guatemala, El Salvador, Costa Rica, Nicarágua, Panamá, Honduras e Equador. De acordo com a secretária do Colégio de Geólogos da Espanha, Nieves Sánchez Guitián, o terremoto liberou uma energia equivalente à explosão de 32 mil bombas atômicas como Hiroshima ou de 416 milhões de toneladas de dinamite. O Globo.

tags

0 comentários:

Postar um comentário