sábado, 30 de setembro de 2017

“Quem não está satisfeito que peça demissão”, diz Neto sobre cortes de salários de comissionados



O prefeito ACM Neto (DEM) comentou nesta sexta-feira (29) sobre o corte de salários dos cargos comissionados, nas secretarias de Saúde e de Educação. O gestor afirmou que essa decisão cabe apenas ao prefeito e não há o que dialogar com os vereadores, já que são nomes indicados pelos edis. A decisão teria causado revolta em sua própria base. 
“Ai não tem que dialogar nada. Corte em gratificação de cargo de confiança depende apenas do prefeito, quem não está satisfeito que peça demissão. Pode sair da prefeitura, não tem problema nenhum”, cravou.
O chefe do executivo municipal explicou ainda que o corte de gratificação faz parte de um planejamento econômico da prefeitura. “Isso faz parte de um trabalho de contenção de despesas, de organização das contas da prefeitura. Todo mundo sabe do meu rigor fiscal com as contas das prefeituras. Não estou fazendo porque quero, estou fazendo porque não tenho alternativa. Nós tínhamos que escolher um caminho para garantir mais economicidade e o caminho foi reduzir em pequenos percentuais as gratificações recebidas por cargos de confiança. O nome já diz, cargo de confiança é de indicação do prefeito. Quem não estiver satisfeito peça pra sair. O Diário Oficial está pronto para ser rodado”, concluiu. 
MGNoticia.net

tags

0 comentários:

Postar um comentário