segunda-feira, 23 de outubro de 2017

Renivaldo é preso pela Cipe/Caatinga após agredir ex-companheira


http://www.fortenoreconcavo.com.br/2017/04/saiba-um-pouco-mais-sobre-clarividencia.html

Policiais da Companhia Independente de Policiamento Especializado (Cipe/Caatinga) capturaram, por volta de meio dia deste domingo (22/10), Renivaldo Santana Oliveira, 33 anos, logo após ele agredir sua ex-companheira, Marleide Selestina da Silva, na cidade de Filadélfia. A partir de um chamado do Disque-Denúncia, uma guarnição da unidade se deslocou até uma residência, no bairro Jacaré, e alcançaram o homem, minutos depois do crime. 
De acordo com o major Wildon Teixeira dos Reis, comandante da Cipe Caatinga, a ação rápida dos PMs conseguiu evitar o pior. "Infelizmente, esse é um tipo de crime que ainda acontece nos dias atuais. Essa mentalidade de alguns homens precisa ser mudada, e nós da PM, estaremos sempre preparados para agir e garantir a integridade física dessas mulheres", afirmou o oficial.
Lembrou ainda que Renivaldo estava alcoolizado no momento da prisão, e que foi encaminhado para a Delegacia Territorial de Senhor do Bonfim, onde foi lavrado o flagrante com base na Lei Maria da Penha.
Cruz das Almas
Foi apresentado no plantão central da Delegacia Territorial de Cruz das Almas, o agressor Ailton Floriano Nascimento, vulgo "Lu", de 39 anos, por ter agredido fisicamente a sua companheira de 42 anos. A agressão começou quando ela pediu para ele parar de fazer uso de bebida alcoólica. O fato aconteceu na noite do último sábado (21), na localidade do Posto Sanca (zona rural) do município de Muritiba. O agravante é que a mulher agredida sofre da síndrome de Guillain Barré além de ser cadeirante. As agressões só param quando a Polícia Militar chegou na residência do casal após ter sido acionada pela própria filha da vítima que é enteada do agressor. O mesmo ficará detido, podendo ser enquadrado na Lei Maria da Penha, caso a vítima formalize um Boletim de Ocorrência em desfavor do agressor.

Com informações do DHPP/Ba/#ForteNoReconcavo

tags

0 comentários:

Postar um comentário