terça-feira, 17 de outubro de 2017

SAPEAÇU: Enfermeiros fazem ato contra proibição da liminar do Conselho Federal de Medicina



Na manhã dessa terça-feira (17/10) todos os Enfermeiros da Atenção Básica de Sapeaçu participaram da plenária na Câmara Municipal de Vereadores para reafirmarem o posicionamento contrário e de repúdio quanto uma decisão liminar interposta pelo Conselho Federal de Medicina, que proíbe enfermeiros de solicitar exames e outros encaminhamentos nos programas de Saúde da Família (PSFs).
O ato serviu também para conscientizar o Poder Legislativo Municipal e a população sobre essa liminar que impe que enfermeiros possam trabalhar de forma plena, principalmente em programas de saúde como o DST/Aids,  programa de controle da tuberculose, preventivos, encaminhamentos entre outras atribuições. “Essa ação além de desvalorizar os profissionais que tanto se dedicaram na graduação pela vocação do cuidar, vai fazer crescer a demanda dos usuários do Sistema Único de Saúde (SUS), prejudicando não só o exercício legal da enfermagem, mas principalmente a população. Por isso, vamos utilizar todas as instâncias representativas e os meios de comunicação para nos posicionarmos e manifestar toda a nossa contribuição social e o papel fundamental que os enfermeiros têm dentro das unidades de saúde, sendo diretamente responsáveis por mais da metade de toda produção e atendimentos”, afirmou a enfermeira e Diretora de Promoção e Assistência à Saúde, Acilene Novaes.
Os vereadores municipais reconheceram o retrocesso dessa decisão judicial e apoiaram os profissionais.Veja o vídeo 
Palavras da coordenadora Acilene Novaes


Palavras do coordenador da vigilância Oscar Lago 
Fonte: Drica de Castro / Vídeo Vitor Vianna 

tags

0 comentários:

Postar um comentário