quarta-feira, 22 de novembro de 2017

Acento de conta termina com um morto em fabriciano



CORONEL FABRICIANO – Por volta das 20h21 de ontem (21/11) homicídio na Rua Dezoito, nº 56, Nossa Senhora da Penha em Coronel Fabriciano. O lavador de carro João Jorge Barboza, 61 anos foi morto a tiros e o suspeito do crime Ronilton Silva Brande, 34 anos. Populares acionaram a Polícia via 190 que um indivíduo havia sido baleado e o atirador seria o Ronilton. Quando a guarnição chegou ao local, a vítima já havia sido socorrida. Testemunhas informaram que Daymerson George ( filho da vítima ) e Gleison Silva ( irmão do autor ) iniciaram uma briga por causa de uma dívida ainda não especificada. Ronilton Silva e João Jorge intervieram e também se desentenderam foi quando Ronilton sacou uma arma de fogo e disparou contra João Jorge caiu ao solo e mesmo sem apresentar qualquer reação, o suspeito atirou mais duas vezes. Segundo a versão de Jhonata Felipe o mesmo se encontrava no terraço em frente ao local do crime e ao gritar pedindo que Ronilton não matasse João Jorge, o mesmo efetuou um disparo em sua direção sem atingi-lo, depois fugiu. A vítima socorrida ao hospital José Maria Morais deu entrada sem vida. De acordo com o médico de plantão João sofreu perfurações no dedo mínimo, na palma da mão, no punho, braço, duas no tórax todos no lado direito e uma perfuração na axila esquerda totalizando sete perfurações.

FONTE:Plantão policial

tags

0 comentários:

Postar um comentário