sexta-feira, 17 de novembro de 2017

Após discussão em festa, jovens são agredidos na Bahia



Dois jovens em uma motocicleta foram arrastados por um carro e, em seguida, agredidos com chutes, após discutirem com um grupo de amigos na saída de uma festa, na cidade de Ilhéus, no sul da Bahia. [Veja o vídeo acima]
A informação foi passada ao G1, nesta sexta-feira (17), pela delegada Andrea Oliveira, titular da cidade. A situação ocorreu na madrugada do último domingo (12). O grupo discutiu na porta da festa, em uma quadra localizada em um trecho da BR-415. As agressões ocorreram na Avenida Itabuna.
                  
Uma câmera de segurança registrou o ataque. Nas imagens, é possível ver um carro arrastando os jovens e a motocicleta onde eles estavam. Em seguida, quatro homens descem do veículo e começam a chutar as vítimas. Após as agressões, os homens retornam para o carro, o motorista dá ré e o grupo foge.
As vítimas foram identificadas como Luís Felipe Barbosa, de 23 anos, e João Marcos Andrade. Luís sofreu traumatismo craniano por conta das agressões e está internado na Unidade de Tratamento Intensivo (UTI) do Hospital de Base de Itabuna. Já João foi levado para o Hospital Regional em Ilhéus. Não há detalhes sobre o estado de saúde deles.
Três dos suspeitos mostrados no vídeo foram identificados pela delegada pelos prenomes de Weslei, Felipe e Ualace. Ainda não se sabe o nome do quarto envolvido. A delegada informou que apenas se sabe que ele é conhecido pelo apelido de "boi".
O carro envolvido na confusão foi apreendido pela polícia. O veículo está com a parte da frente destruída por conta da batida com a motocicleta.
De acordo com a delegada Andrea Oliveira, dois dos suspeitos já foram ouvidos. Entre eles, o homem que dirigia o carro no dia da agressão. Os suspeitos alegaram inocência, conforme a delegada. Como não houve flagrante, eles foram liberados após o depoimento. 
"Eles alegam que as vítimas teriam emparelhado a moto com o carro deles e dado murros no vidro do carro, e tentado quebrar também uma peça do carro. Em seguida, eles teriam seguido pela Avenida Itabuna. Mais à frente, aconteceu, então, do carro onde estavam os quatro agressores ter atingido a moto onde estavam as vítimas", contou.
Fonte: G1

tags

0 comentários:

Postar um comentário