terça-feira, 14 de novembro de 2017

Camaçari-BA: Servidora e outras 4 pessoas são presas suspeitas de provocar incêndio.



Cinco pessoas foram presas sob suspeita de envolvimento na série de incêndios ocorridos no prédio da Secretaria de Infraestrutura e Habitação (Seinfra) da cidade Camaçari, na região metropolitana de Salvador. Uma servidora da prefeitura está entre os presos. As informações foram divulgadas pela Polícia Civil, nesta terça-feira (14).
O nome dos suspeitos e o dia em que ocorreram as prisões ainda não foram divulgados pela polícia. O grupo, de acordo com a polícia, é suspeito de integrar um esquema de fraude no programa "Minha Casa, Minha Vida", e teria provocado os incêndios no prédio para destruir provas do crime, que eram armazenadas no imóvel.
Inicialmente, a suspeita era de que o incêndio tivesse relação com uma obra que é investigada. No entanto, essa linha de investigação foi descartada.
Conforme a polícia, os suspeitos presos vendiam supostas inscrições para a aquisição de imóveis no programa, na cidade. O grupo será apresentado na sede da delegacia de Camaçari, na tarde desta terça-feira. A delegada titular Thaís Siqueira e o comandante do 12º Batalhão da Polícia Militar (BPM/Camaçari), tenente-coronel PM Henrique Melo, conduzem a apresentação. G1-BA

tags

0 comentários:

Postar um comentário