domingo, 17 de dezembro de 2017

Gandu: Prefeito, vice, secretário e vereadores receberão 13º e férias, porém alega crise e demite centenas de funcionários.



A Câmara de Vereadores de Gandu, município localizado na Região Baixo Sul da Bahia, aprovou por maioria de votos, durante sessão realizada na última quarta-feira (13), o Projeto de Lei 011/2017, que regulamenta as férias e pagamento de 13º salário aos vereadores, prefeito, vice-prefeito e secretários. Apenas dois vereadores, Cicinho (PT) e Rita Liderança (PCdoB), votaram contra o projeto. 
A decisão provocou uma grande discussão no município. O projeto foi baseado em uma decisão do Supremo Tribunal Federal (STF) que determinou que os benefícios são direito de todos os trabalhadores. Mas os moradores reclamam que a cidade precisa passar por obras de melhoria e que o dinheiro usado para pagar cada um deles terá que sair dos cofres públicos.
Vale lembrar que o prefeito demitiu centenas de funcionários alegando crise financeira, mas parece que a crise já foi embora não é prefeito? Infelizmente a maioria dos políticos pensam apenas no próprio bolso, enquanto em alguns municípios no estado da Bahia, alguns prefeitos diminuíram os valores dos salário dele, do vice e dos secretários para poder ajustar as contas públicas, outros como Léo de Neco só alega crise para demitir os funcionários que ele mesmo prometeu dá emprego se fosse eleito, recebeu voto do povo, foi eleito e agora demitiu para poder ter mais dinheiro para ele, secretários e Vereadores. Que vergonha hein prefeito!!!

Reportagem Amarelinho10

tags

0 comentários:

Postar um comentário