domingo, 17 de dezembro de 2017

Polícia já tem nome do principal suspeito de matar mulher a facadas em Simões Filho



O Departamento de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP), com o apoio da 22ª Delegacia Territorial de Simões Filho, investigam o assassinato da dona de casa Maria de Fátima dos Santos, 35 anos, conhecida como ‘Nana’, ocorrido na tarde deste sábado (16/12), no Loteamento São Miguel, localidade do bairro KM 30. O sepultamento de Nana, está previsto para acontecer na tarde desta domingo (17/12), no Cemitério São Miguel de Cotegipe.
A Polícia Civil já tem o nome do principal suspeito de cometer o crime, mas até o fechamento desta reportagem, não tinha confirmado a prisão do acusado, que está foragido. O delegado que investiga o caso deve ouvir familiares da mulher e também os moradores do local a fim de apurar o que teria motivado o assassinato.
Na cena de crime, os peritos do Departamento de Polícia Técnica (DPT), fizeram os primeiros trabalhos de investigações. Nos próximos dias, um Laudo Criminal deverá se juntar as peças do inquérito policial. O nome do suspeito não foi divulgado.
Maria de Fátima era casada. No momento do crime, o marido dela estava trabalhando no Centro de Abastecimento (Ceasa).
Pela redes sociais, muitos amigos lamentaram a morte da dona de casa. “Que Deus o receba, vai em paz”, escreveu uma amiga. “Senhor aonde nós vamos parar com essa violência. Meus sentimentos aos familiares”, postou outra.
O CRIME
Testemunhas informaram ao Simões Filho Online, que Maria estava dentro da casa do acusado quando os dois teriam iniciado uma discussão. O homem teria então se armado com uma faca que estava sobre a mesa e deu o primeiro golpe. Mesmo ferida, ela ainda correu para o quintal da casa, e tentou se escondeu atrás de um muro, mas acabou sendo alcançada pelo homem, que desferiu outros golpes na região do pescoço da vítima. A comunidade ainda acionou o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) para prestar socorro, mas ao chegar no local, a mulher já estava morta.
Em nota, a 22ª Companhia Independe de Polícia Militar (CIPM) confirmou o homicídio e disse que os policiais militares da unidade foram acionados por volta das 16h00 para atender a ocorrência, mas a mulher já estava morta.
NOTÍCIAS DE SIMÕES FILHO

tags

0 comentários:

Postar um comentário