terça-feira, 9 de janeiro de 2018

Cifras milionárias: Mesmo com investidor, Cruzeiro tenta negociar o valor para contratar Zé Rafael



O Cruzeiro segue interessado na contratação do meia-atacante Zé Rafael, do Bahia, mas tudo indica que essa será uma negociação muito difícil para o clube mineiro. A Diretoria da raposa consultou a situação do jogador, junto ao Bahia, e tomou conhecimento dos altos valores previstos no contrato para o caso de uma negociação.
Diante das boas atuações e do assédio de outros clubes, ainda no ano de 2017, a antiga Diretoria do Esquadrão renovou o contrato com o atleta até o final de 2020 e estipulou uma multa de cerca de 10 milhões de euros (R$ 38 milhões de reais) para que algum clube possa tirá-lo do Fazendão.
De acordo com informações do jornalista Gabriel Duarte, do site GloboEsporte.com, o Cruzeiro já conta, inclusive, com um investidor para ajuda-lo nessa contratação. Contudo, a Diretoria mineira tenta negociar um valor bem abaixo da multa prevista no contrato entre o atleta e o Esporte Clube Bahia.
Em entrevista à rádio Itapoan FM, na noite da última segunda-feira (08), o presidente Tricolor, Guilherme Bellintani, afirmou que não acredita que um clube brasileiro seja capaz de pagar o que o Bahia espera por uma negociação por Zé Rafael.
“Eu nunca digo que nenhum atleta não será negociado. Mas eu acho muito difícil que um clube brasileiro, hoje, tenha condição financeira de fazer uma proposta que mexa com o nosso pensamento sobre o Zé Rafael. É um atleta que está na espinha dorsal do time, é um atleta jovem, com um valor de mercado muito significativo”, afirmou o mandatário.
Zé Rafael chegou ao Bahia no início do ano de 2017, onde o Tricolor desembolsou cerca de R$ 500 mil para adquirir 70% dos seus direitos econômicos, os outros 30% pertencem ao Coritiba, clube formador do atleta. O meia atuou em 60 partidas com a camisa do Esquadrão e marcou cinco gols.

Foto: Felipe Oliveira / EC Bahia

tags

0 comentários:

Postar um comentário