quarta-feira, 3 de janeiro de 2018

Saiba como se proteger de vírus agressivo que atacam celulares através de anúncios falsos



Um vírus destruidor promete tirar o sono de muito dono de celular no Brasil. Batizado de Loapi, ele foi descoberto pela empresa de segurança cibernética Kaspersky Lab e tem avançado por meio de anúncios falsos de antivírus e aplicativos para adultos. De acordo com a companhia, o Brasil é um dos países da América Latina com o maior número de dispositivos atingidos, ao lado de México, Chile, Panamá e Peru. O malware também se espalhou também nos Estados Unidos e alguns países da Europa. 
O Loapi afeta dispositivos Android e tem funcionamento extremamente complexo. Uma vez instalado, o software solicita permissões de administrador para assumir o controle do dispositivo e, assim, instalar módulos que afetam diferentes funções do celular. Entre as ações que o vírus pode executar estão a recepção de publicidade invasiva, o controle mensagens de texto e a realização de ataques que congestionam um site com tráfego até que ele fique impossibilitado de receber visitas. O programa ainda se vale de recursos do telefone, como conexão à internet, para criar criptomoedas. Há, inclusive, o risco de dano à bateria por superaquecimento devido à grande carga de trabalho sobre o dispositivo.
A empresa de segurança diz que, uma vez instalado, é muito difícil se livrar do Loapi. Ele tem a capacidade de bloquear a tela do smartphone diante de uma tentativa de recuperar a administração do sistema.
Veja como se precaver:
Desative a opção que permite a instalação automática de aplicativos;
Só baixe aplicativos dentro da loja oficial do Google Play. Por mais que ela também possa ter falhas, é muito mais segura que downloads feitos diretamente pela internet;
Busque sempre a versão mais recente do sistema operacional, já que as atualizações costumam reduzir vulnerabilidades;
Instale um antivírus confiável, que ofereça garantias.
Itirucu Online

tags

0 comentários:

Postar um comentário