quarta-feira, abril 03, 2024

Advogada baiana denuncia ex-companheiro após descumprir medida protetiva; entenda o caso

Depois de três meses de relacionamento, uma advogada relata em denúncia ao BNews que está vivendo um inferno na sua vida com o término da relação. Graziele dividia a vida com um colega de profissão, também advogado, que estaria fazendo diversas ameaças verbais, psicológicas, além das agressões físicas.

Com base na Lei Maria da Penha, o Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) decretou em fevereiro deste ano uma medida protetiva a favor da advogada, que, segundo ela, vem sendo descumprida pelo ex-namorado por sucessivas vezes.

“(…) o mesmo desde do início era agressivo tanto verbalmente quanto fisicamente que a mesma sofreu ameaça de morte com uma faca que o mesmo ainda porta, aduz ainda que agrediu com tapa no ouvido, chutes, empurrões, chave de braço é importante salientar que o mesmo praticou kig boxe, onde usava as técnicas para imobilizar a mesma e cometer as agressões (sem lesão aparente) e que sofreu ainda violência patrimonial”, assim relatou a advogada Graziele nos autos presentes na medida protetiva de urgência.

De acordo com advogada, o ex-companheiro teria quebrado a medida protetiva por pelo menos cinco vezes. Ele também teria ido no prédio onde Graziele mora, utilizado da profissão de advogado para visitar os processos e fazer supostas ameaças, tendo como alvo as testemunhas do caso e a família da advogada – principalmente a mãe.

Fonte: BNews

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Atropelamento em Sapeaçu deixa jovem morto na noite desta terça feira (16)

Nossa reportagem recebeu a informação de um jovem de prenome Tata , morador do Bairro do Batucar na cidade de Sspeaçu, veio a ób...