quinta-feira, abril 25, 2024

Diretora de escola da Bahia é acusada de desviar auxílio estudantil

A diretora do Colégio Estadual Professora Aurivaldina Joazeiro, localizada na cidade de Itamaraju, no extremo sul da Bahia, está sendo investigada por supostamente desviar cartões de auxílio estudantil do programa do governo do Estado. Um mandado de busca e apreensão foi cumprido por policiais civis nesta quinta-feira (25).
Nas investigações, os policiais identificaram várias vítimas, estudantes da escola, que alegaram não terem recebido o cartão de auxílio estudantil, que distribuía valores de R$ 150 para estudantes assíduos.

Segundo o site, em contato com a central dos cartões, os investigadores foram informados que várias compras em diversos estabelecimentos comerciais foram feitos. Outras vítimas ainda disseram que sequer tinham conhecimento da existência do cartão.

A Polícia Civil declarou que com imagens de câmeras de segurança das lojas, foi possível comprovar que a diretora realizava compras usando os cartões. Com o mandado de busca e apreensão, a polícia objetiva localizar docuementos que possam ajudar na identificação de todas as vítimas que tiveram seus benefícios desviados.

Dentre as medidas cautelares que a diretora deverá cumprir, estão o afastamento das suas funções pelo prazo de 180 dias, pagamento de fiança, além de monitoramento eletrônico.

Segundo o g1, a Secretaria de Educação do Estado (SEC) informou que vai abrir uma sindicância para apuração dos fatos e tomará as providências cabíveis, com base nas informações levantadas.

Ainda afirmou que, em relação ao inquérito policial, "vai disponibilizar todos e quaisquer documentos necessários para as investigações, que cabem aos órgãos competentes da Polícia e do Judiciário".
G1

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Irã dá início a funeral de presidente Raisi

As cerimônias fúnebres do presidente iraniano Ebrahim Raisi começaram nesta terça-feira (21) após sua morte em um acidente de he...