quarta-feira, abril 10, 2024

Mãe da criança que foi morta a marteladas pelo pai no sudoeste da Bahia, é presa pelo crime de omissão; entenda o caso

A mãe da criança morta a marteladas pelo próprio pai na cidade de Vitória da Conquista, região sudoeste do estado, foi presa na terça-feira (9) pelo crime de omissão. Enzo Gabriel, de 4 anos, foi assassinado com golpes de martelo na cabeça no dia 21 de março deste ano.

De acordo com as investigações, a criança sofria castigos físicos e torturas psicológicas há três meses praticadas pelo pai que é traficante de drogas. A mãe, ciente das agressões, não fazia nada para proteger o filho. Algumas agressões chegaram a ser filmadas e enviadas para a mãe da criança.

Ela segue presa na Delegacia Territorial de Vitória da Conquista à disposição da justiça.
Fonte Alô Juca 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Policiais militares e suspeitos morrem em acidente durante perseguição

Quatro pessoas morreram em função de uma perseguição policial, no Jardim Botânico, na Zona Sul do Rio de Janeiro, na madrugada d...