terça-feira, abril 23, 2024

Por que mataram Tiago? Jovem era suspeito de homicídio e teria sido morto por traficantes de Fazenda Coutos; entenda o caso

Tiago Santos de Jesus, 18 anos, estava em uma motocicleta e foi assassinado por um homem que desceu de um carro e disparou várias vezes, na tarde desta terça-feira (23). O crime aconteceu no estacionamento do supermercado Assaí, em Paripe. De acordo com as fontes do site Alô Juca, a ordem para matar Tiago partiu da liderança do tráfico de drogas do Santo Antônio, em Fazenda Coutos. Ele teria matado um amigo no mês de Março, identificado como Jean. Segundo as informações, eles eram “parceiros” e andavam juntos. Jean teria sido traído por Tiago.

O Departamento de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP) já iniciou o trabalho de investigação e câmeras de vídeo monitoramento vão ajudar no trabalho de inteligência. Uma outra informação obtida pelo site, é de que familiares de Jean, assassinado por Tiago, soltaram fogos de artifício comemorando a morte dele.


Início Destaque
DestaqueNotíciasPolícia
Por que mataram Tiago? Jovem era suspeito de homicídio e teria sido morto por traficantes de Fazenda Coutos; entenda o caso
Por Redação - 23 de abril de 2024, 20h52

Tiago Santos de Jesus, 18 anos, estava em uma motocicleta e foi assassinado por um homem que desceu de um carro e disparou várias vezes, na tarde desta terça-feira (23). O crime aconteceu no estacionamento do supermercado Assaí, em Paripe. De acordo com as fontes do site Alô Juca, a ordem para matar Tiago partiu da liderança do tráfico de drogas do Santo Antônio, em Fazenda Coutos. Ele teria matado um amigo no mês de Março, identificado como Jean. Segundo as informações, eles eram “parceiros” e andavam juntos. Jean teria sido traído por Tiago.

O Departamento de Homicídios e Proteção a Pessoa (DHPP) já iniciou o trabalho de investigação e câmeras de vídeo monitoramento vão ajudar no trabalho de inteligência. Uma outra informação obtida pelo site, é de que familiares de Jean, assassinado por Tiago, soltaram fogos de artifício comemorando a morte dele.

Nota Rede Assaí

A rede confirma a ocorrência na tarde desta terça-feira (23), no estacionamento da sua loja no bairro de Paripe. Imediatamente ao tomar conhecimento do ocorrido, a equipe da loja acionou a Polícia Militar e o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência para conduzirem a ocorrência e segue colaborando com as autoridades para o esclarecimento do caso. A unidade reabriu as 18h.
Alô Juca 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Policiais militares e suspeitos morrem em acidente durante perseguição

Quatro pessoas morreram em função de uma perseguição policial, no Jardim Botânico, na Zona Sul do Rio de Janeiro, na madrugada d...