terça-feira, 10 de outubro de 2017

Três pessoas são presas acusadas de aplicar golpe em casa de ração



Policiais da 18ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin), com sede em Paulo Afonso, cumpriram, nesta terça-feira (10), em Jeremoabo, três mandados de prisão preventiva contra Francisco Alexandre do Nascimento Neto, o “Netinho”, e os irmãos Esaú e Israel Garcia Bomfim de Sá, conhecidos respectivamente por “Esaú” e “Dedé.
O delegado Ailton Souza, titular da Delegacia Territorial (DT), de Jeremoabo, que coordenou os trabalhos de investigação e prisão, disse que o trio é acusado de ter aplicado um golpe de R$ 16,2 mil, na empresa Cedan Rações. Dois comparsas, Cleomacio Santos de Melo, o “Xexéu”, e João Batista Lima Reis, o “Boquinha”, não foram encontrados e são considerados foragidos.
A quadrilha adquiriu da Cedan Rações 600 sacos de ração, pesando 30 quilos cada, pagando com um cheque de terceiro, no valor de R$ 16,2 mil. Um dos integrantes da quadrilha assinou o documento como se fosse o próprio dono do cheque, no momento da compra. Os mandados foram expedidos pela Comarca de Jeremoabo.
Além da 18ª Coorpin e da DT/Jeremoabo, participaram da operação equipes das Delegacias Territoriais das cidades de Santa Brígida, Coronel João de Sá, Antas e Novo Triunfo, além do Cicon, da Cipe Nordeste e do Centro de Operações Policiais Especiais de Sergipe (COPE). O delegado Ailton Souza disse que os cinco serão indiciados por estelionato e associação criminosa.
IB

tags

0 comentários:

Postar um comentário