sexta-feira, 8 de dezembro de 2017

Após sofrer bullying na internet, atriz pornô morre aos 23 anos



A estrela pornô canadense August Ames morreu, aos 23 anos, nesta semana. As investigações da polícia apontam que ela tirou a própria vida ao se enforcar. A atriz sofria de depressão e, segundo amigos, um episódio recente na internet teria intensificado a sua condição.
De acordo com o site The Blast, ela teria recusado filmar uma cena com um ator que tinha realizado pornôs gays, no dia 3 de dezembro. August foi duramente criticada e acusada de homofonia.
No Twitter, ela explicou que a decisão foi tomada porque os exames médicos para cenas de sexo heterossexuais são diferentes em relação a filmes gays, e ela não queria se arriscar.
               
“Eu não tenho nada pelo que me desculpar. Pedir perdão por tomar cuidado e garantir a segurança do meu corpo? Vão se ferrar por me atacarem quando nenhuma das minhas intenções foi maliciosa. Eu amo a comunidade gay! Eu ESCOLHO quem entra no meu corpo. Sem ódio”, escreveu ela na rede social.
               
Ames apareceu em mais de 270 filmes desde que começou a atuar, em 2013. Muito triste, o marido falou, em entrevista, sobre a importância da mulher na sua vida: “Ela era a pessoa mais amável que eu já conheci e significava o mundo para mim”.
Informe Baiano

tags

0 comentários:

Postar um comentário