sexta-feira, 29 de dezembro de 2017

Servidor da Limpeza Pública realiza sonho de participar da São Silvestre através do Governo da Mudança



O corredor Natanael da Conceição, 39 anos, conhecido popularmente como Faísca, nasceu na comunidade do Torto II e pratica o atletismo desde 2002. Trabalhando no município como gari, ele concilia o trabalho com as competições e treinos e conta uma história curiosa: aproveita as “corridas” atrás do caminhão de lixo, onde chega a percorrer cerca de 25 quilômetros por dia, para treinar e melhorar o seu desempenho como atleta. E, quando está de folga do trabalho, ele também treina. 
Vindo de família humilde, que sobrevivia da roça, Faísca começou a trabalhar cedo para ajudar seus pais a sustentar os dez irmãos e conta que passou por muitas dificuldades. Por isso, o grande sonho de participar da famosa corrida São Silvestre, em São Paulo, parecia muito distante. Mesmo assim, ele não perdeu as esperanças. Participando – e vencendo – em competições por todo o estado da Bahia, o corredor foi trilhando o caminho rumo à realização de seu sonho e coleciona prêmios. São mais de 70 troféus e mais de 40 medalhas conquistadas ao longo destes 15 anos de carreira.
Natanael lembra que já vinha tentando patrocínio há algum tempo, mas sem sucesso. Foi através do secretário de Meio Ambiente e Juventude, Derlan Queiroz, que o sonho de Natanael começou a tomar forma. Ele conta que sempre encontrou incentivo e nunca houve dificuldade para ser liberado para participar de competições. O secretário levou a história até o prefeito Marcelo Pedreira, que, de imediato, se sensibilizou e resolveu ajudar a realizar o sonho do corredor. “Trabalhava aqui na Prefeitura desde a gestão passada, mas nunca recebi nenhum incentivo. Corri atrás de patrocínio, mas não consegui. E agora recebi essa oportunidade”, explicou.
Em um investimento de cerca de cinco mil reais, Faísca recebeu passagens, hospedagem, alimentação, translado, uniforme e calçado adequados, além de todas as orientações necessárias para a viagem. “Eu já me considero um vencedor, só de ter essa oportunidade de realizar meu maior sonho. Eu sei que se dependesse só das minhas condições, eu não ia conseguir. Um patrocínio desses em pleno Natal, acho que Papai Noel que veio me dar esse presente”, brincou ele, que embarcou para São Paulo no último dia 26.
Agradecendo a todos que contribuíram para a viagem, Faísca, que se inspira nos corredores atletas quenianos, conta que pretende trazer bons resultados para compensar o investimento. “Eu não tô correndo só por mim, eu tô representando todo o município e a Prefeitura, que é meu grande patrocinador. Então eu vou dar o meu máximo. Espero chegar lá e conquistar um prêmio pra levar o nome da cidade também. Tenho muitas expectativas. Agradeço ao prefeito Marcelo Pedreira, ao vice Orlandinho e ao secretário Derlan Queiroz, que estão me dando esse grande incentivo, realizando meu sonho. Eu não tenho como pagar, mas que Deus possa retribuir o que eles estão fazendo por mim”, declarou.
Já para aqueles que têm um sonho, o corredor mandou um recado. “Tem que ter fé. Tudo que a gente quer, a gente consegue. É só ter força de vontade, entregar nas mãos de Deus e correr atrás. Assim como eu fiz, todo mundo tem esse direito. Eu sempre acreditei. O pessoal me via treinando, alguns até me chamavam de doido, porque às vezes eu saía meio dia para treinar, duvidavam de mim. Mas eles não entendiam meu pensamento, que um dia eu poderia ter uma grande chance de ir à São Silvestre, como está acontecendo”, defendeu.
Faísca deixou ainda um conselho para os gestores dos demais municípios. “É preciso incentivar mais o jovens. Que todos possam dar essa oportunidade a mais pessoas, seguir o exemplo do nosso prefeito. Existem muitos outros corredores que eu conheço que, assim como eu, sonham com isso. Conversando com amigos sobre a minha viagem, muita gente ficou surpresa, porque a maioria dos prefeitos da região incentiva mais o futebol, esquece de outros esportes. Eu vejo aqui que não foca em um esporte só, patrocina todos os tipos, vejo muita gente recebendo oportunidades. Que Marcelo seja esse espelho”, finalizou.
FR

tags

0 comentários:

Postar um comentário