sábado, março 16, 2024

Três pessoas da mesma família morrem após acidente com quatro veículos no extremo sul da Bahia

Um acidente envolvendo um carro de passeio, duas caminhonetes e um caminhão, na BR - 418, na cidade de Nova Viçosa, no extremo sul da Bahia, deixou quatro pessoas mortas. As informações são da Polícia Rodoviária Federal (PRF).
As três pessoas, que são da mesma família, foram identificadas como: Sandra Almeida Moreira dos Santos, de 25 anos; o marido dela, Breno Pereira dos Santos, de 37 anos, e o filho do casal, Enrico Moreira dos Santos, de 4 anos.
Uma menina de ano foi a única sobrevivente no veículo. A bebê foi socorrida pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) para o Hospital de Nanuque, em Minas Gerais. Não há informações sobre o estado de saúde dela.


A quarta vítima do acidente foi Masumi Tokunaga, de 57 anos. Ele era morador de Nova Viçosa e seguia na rodovia em uma caminhonete quando ocorreu a batida. Além dos óbitos, outras três pessoas que se envolveram no acidente saíram ilesas. 


De acordo com a PRF, o carro de passeio onde estava a família e o carro guiado por Masumi Tokunaga fizeram uma ultrapassagem em um local permitido. Ambos concluíram as ultrapassagens, mas o carro de passeio ao retornar para a pista teria feito um movimento brusco na direção, perdeu o controle do veículo, foi para o acostamento e ao tentar voltar para a rodovia, rodou e foi parar na contramão. A caminhonete que vinha em seguida não conseguiu parar e bateu transversalmente no carro, que rodou na pista.
A outra caminhonete envolvida no acidente também não conseguiu evitar a batida e foi o segundo veículo a bater no carro de passeio que rodava na pista. Os corpos das vítimas foram encaminhados para o Departamento de Polícia Técnica (DPT) de Teixeira de Freitas.
F Bnews 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

SAPEAÇU: Município vai ter a segunda mulher candidata a Prefeita da história

O município de Sapeaçu vai ter mais um mulher candidata nas eleições municipais de 2024, figurando na chapa majoritária. A prim...