sexta-feira, abril 19, 2024

Ex-chefe de gabinete de banco é preso após estuprar e agredir mulher por 18 horas

Um homem de 35 anos, identificado como Lucas José Dib, foi preso na quinta-feira (18), por suspeita de estuprar e agredir uma mulher durante 18 horas no apartamento dele, em Botafogo, no Rio de Janeiro.

A vítima de 31 anos disse à polícia que conheceu o suspeito dias antes em um aplicativo de relacionamento. Ela relatou ainda que foi torturada sem roupas das 2h às 4h do último dia 4 de abril e que, além disso, Lucas José a violentou sem camisinha.
A mulher foi resgatada por um amigo porque compartilhou a localização. Durante o tempo em que esteve no apartamento, a vítima pediu por socorro, mas o suspeito havia colocado um som alto, o que impediu que os vizinhos a escutassem.
Bnews
Bnews
Busca

Polícia
Ex-chefe de gabinete de banco é preso após estuprar e agredir mulher por 18 horas
Divulgação/Polícia Civil
Ex-chefe de gabinete foi preso em seu apartamento em Botafogo, no Rio | Bnews - Divulgação Divulgação/Polícia Civil
Publicado em 19/04/2024, às 11h02 Redação BNews

COMPARTILHE:

FacebookTwitterWhatsApp
Um homem de 35 anos, identificado como Lucas José Dib, foi preso na quinta-feira (18), por suspeita de estuprar e agredir uma mulher durante 18 horas no apartamento dele, em Botafogo, no Rio de Janeiro.

A vítima de 31 anos disse à polícia que conheceu o suspeito dias antes em um aplicativo de relacionamento. Ela relatou ainda que foi torturada sem roupas das 2h às 4h do último dia 4 de abril e que, além disso, Lucas José a violentou sem camisinha.

Victor Ferreira / EC Vitória
BYE BYE!
DEU TCHAU! Após ter saída negada, Luan rescinde em comum acordo com o Vitória

Divulgação / Freepik
ECONOMIA
ISS fixo alivia carga tributária para médicos; entenda

A mulher foi resgatada por um amigo porque compartilhou a localização. Durante o tempo em que esteve no apartamento, a vítima pediu por socorro, mas o suspeito havia colocado um som alto, o que impediu que os vizinhos a escutassem.


Lucas é ex-chefe de gabinete do Banco de Desenvolvimento de Minas Gerais (BDMG). Ele já foi acusado de violência em 2022 contra a ex-companheira. As agressões teriam ocorrido no dia 13 de outubro de 2020, em Belo Horizonte.
Bnews 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Moto é roubada em Sapeaçu ba noite desta quarta-feira (29)

Na noite desta quarta-feira (29) ,uma motocicleta modelo PoP cor branca placa polícial PLW0B84, foi tomada de assalto na mediaçõ...