domingo, abril 07, 2024

Motorista bêbado que atropelou 5 ciclistas no DF estava cambaleando

Allan das Chagas Araújo, 32 anos, preso em flagrante, na noite dessa sexta-feira (5/4), após atropelar cinco trabalhadores que voltavam para casa de bicicleta, apresentava sinais de embriaguez, segundo a Polícia Militar do Distrito Federal (PMDF).

De acordo com a corporação, foi constatado que o condutor estava com sintomas de embriaguez ao volante, tais como olhos avermelhados, hálito etílico e desequilíbrio. No carro, os militares encontraram latas e garrafas de cerveja.

Uma testemunha, que trabalha em um restaurante próximo ao local do acidente, no Setor de Indústria e Abastecimento (SIA), informou que ia embora, por volta das 22h30, com outros funcionários, em um grupo de seis pessoas.

Os trabalhadores passavam pela faixa de pedestres quando um carro, vindo da Estrada Parque Indústria e Abastecimento (Epia), teria atravessado a pista, indo em direção ao grupo. O veículo atingiu cinco funcionários, na altura do Atacadão.

O homem informou, ainda, que o carro chegou a derrubar um muro. Segundo a testemunha, o motorista saiu do veículo e tentou fugir correndo, mas foi contido por populares. “Ele parecia embriagado. Estava alterado, com a voz mole”, contou, sem se identificar.Allan Araújo se negou a realizar o teste do bafômetro. Admitiu, porém, que havia ingerido bebida alcoólica. 

Os militares deram voz de prisão e conduziram o motorista para a 5ª Delegacia de Polícia (Área Central), onde a ocorrência foi registrada. Ao ser contido, o autor ficou extremamente agitado e teve de ser algemado.

As vítimas

Os feridos foram atendidos e transportados ao Hospital de Base do DF (HBDF). De acordo com o Corpo de Bombeiros, Hebert Geovane Santos Alves, 25 anos, apresentava corte na cabeça e suspeita de fratura no braço. Erlano Giovanni Santos Silva, 25, tinha suspeita de hemorragia interna, hematoma no olho direito, luxação no ombro direito e escoriações no tórax. Henrique Ribeiro Alves, 22, foi socorrido com suspeita de fratura de perna esquerda.

Adriano de Jesus Miranda, 50, estava com suspeita de fratura de perna esquerda, e Antônio Carlos Rodrigues Silva, 30, apresentou hemorragia abundante e fraturas expostas na perna direita e no braço esquerdo.

CNN

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Policiais militares e suspeitos morrem em acidente durante perseguição

Quatro pessoas morreram em função de uma perseguição policial, no Jardim Botânico, na Zona Sul do Rio de Janeiro, na madrugada d...