sexta-feira, 22 de setembro de 2017

Bahia: Polícia Federal e CGU deflagram operação de combate a desvios de recursos do FUNDEB



A Polícia Federal e a Controladoria-Geral da União (CGU) deflagram nesta quinta-feira (21) uma operação que investiga desvios de recursos públicos feito por uma ex-prefeita e servidores municipais da cidade de Apuarema, no Sudoeste baiano.
De acordo com a PF, os investigados teriam desviado recursos públicos do Fundo de Manutenção e Desenvolvimento da Educação Básica e de Valorização dos Profissionais da Educação (Fundeb).
Segundo as investigações, servidores públicos municipais eram contratados formalmente com salários superiores aos cargos que desempenhavam. Os valores, que deveriam ser depositados diretamente em contas bancárias dos próprios servidores, eram depositados nas contas de outras pessoas que eram aliciadas para sacar os valores e repassá-los à própria ex-prefeita e para outros integrantes do esquema.
Ainda de acordo com a PF, os valores chegavam a ser oito vezes maior do que aqueles que estavam nos contratos. O esquema contou ainda com o auxílio da então supervisora de Educação, da ex-chefe do Setor de Acompanhamento de Programas de Assistência ao Estudante, do ex-secretário de Administração e do filho da ex-prefeita.
A operação chamada de Inflet está cumprindo cinco mandados de busca e apreensão e 14 de condução coercitiva na cidade. A PF informou que os investigados responderão pela prática do crime de responsabilidade previsto no art. 1º, inciso I, do Decreto-Lei nº 201/67, sem prejuízo de outros que restarem evidenciados até o final das investigações. (Correio)

tags

0 comentários:

Postar um comentário