quarta-feira, maio 22, 2024

Operação Jeremias 23: Conheça o pastor que transava com fiéis para “livrá-los” da morte

O pastor Sinval Ferreira, de 41 anos, foi preso pela Polícia Civil do Distrito Federal na manhã desta quarta-feira (22), alvo da Operação Jeremias 23, sob a suspeita de abusar da fé para manter relações sexuais com fiéis de seua igreja. 
Com mais de 30 mil seguidores nas redes sociais, Sinval Ferreira simulava ser um profeta durante suas pregações em uma igreja evangélica de Samambaia, tendo “revelações” envolvendo a morte de parentes dos fiéis. Para “livrá-los” do trágico destino, os homens deveriam receber sexo oral e transar com o líder religioso. 
De acordo com as investigações da Polícia Civil, o pastor usava sua influência para abusar sexualmente e financeiramente dos fiéis que frequentavam a comunidade da qual ele é líder. 

Uma das vítimas teria sido abordada pelo pastor, que afirmou que sua esposa iria morrer caso ele não recebesse “sete unções”, que teriam de ser realizadas nas partes íntimas do fiel. Com receio das ameaças do religioso, o homem acabou cedendo às investidas e manteve relações sexuais com Sinval Ferreira. 
O pastor responde pelos crimes de violação sexual mediante fraude e extorsão, cujas penas podem chegar a 17 anos de prisão. 
A informação é do portal Metrópoles. 

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Comerciante da Ceasa é sequestrado por bandidos encapuzados; veja a reportagem

Comerciante da Ceasa é vítima de bandidos na tarde desta sexta-feira (14). De acordo com as fontes do site Alô Juca, o empresári...